Planilha para Montar Orçamentos de Ilustrações / by Davi Sales Studio


Boa tarde pessoal,

Não é incomum as pessoas nessa área, ilustração, se perguntarem quanto cobrar por um trabalho. Iniciantes e profissionais sentem, vez ou outra, a dificuldade de montar um preço para o "job" solicitado pelo cliente.

Este é um trabalho complicado, por que existem muitas variáveis para se fazer o preço. São especificidades que vão desde as questões mais objetivas, como: tipo de pintura, ter ou não ter contorno, ou coisas com certo grau de subjetividade.

Não há dúvidas que fazer preço de ilustração é uma tarefa difícil e que requer muita sensibilidade para se entender a complexidade do "job" , o uso e exposição do mesmo.

 

Eu criei, e estou disponibilizando, uma planilha que tenta ajudar nessa tarefa, de antemão, já informo para não procurar as falhas que ela possa ter, porque com certeza terá. Pense nela como uma ferramenta a mais para lhe ajudar a formatar seus preços, use sempre o bom senso e as particularidades do mercado em que você está inserido.

Uma rápida explicação de como usar a planilha:

1 - No dia a dia você deve preencher somente a coluna quantidade da tabela.

2 - A coluna de preços, você pode corrigi-la para ajustar valores para adequações regionais e desvalorização da moeda.

3 - Nos campos personagens, você deve definir se este “job” é uma criação de "personagem". Muitas vezes nos desenhamos personagens que são somente para compor, eles não serão usados como uma marca ou algo assim.

Se o trabalho não é de criação de personagem, coloque 1 no campo quantidade em (1 personagem sem criação). Se houver mais personagens, coloque o número de personagens adicionais no campo, personagens adicionais. Use o bom senso, não conte personagens somente esboçados, distante, silhuetas, etc.

4 - Cenário. Isto é bem difícil de definir preço, por que podemos nos deparar com coisas simples, complexas, muito complexas e outras que a gente nem nunca parou pra pensar que poderiam pedir. Leia bem o “briefing”, entenda o trabalho e tente definir em qual circunstância o "job" se encaixa. Basta colocar o número 1 na linha correspondente ao nível de dificuldade. Se não existe cenário, ou se ele for simples demais, não atribua valores.

5 - Pintura. atribua na coluna de quantidade o numero (1) na linha em que se encaixa com o seu "job"

6 - Finalização. Atribua na coluna de quantidade o numero (1) na linha em que se encaixa com o seu "job"

7 - Uso. É claro que este campo foi criado de forma simplista e que erros grotescos podem acontecer se você for chamada para fazer "concepts" para a Warner Bros, por exemplo. Se precisar ajustes os valores na coluna de preços e use o bom senso. Fiz testes com trabalhos que fiz para fora do Brasil e consegui uma resposta bastante razoável. Mas trate este ponto com muito cuidado.

8 - Período. Bem, ajustei estes preços de acorodo com a forma com a qual eu monto meus contratos. Em geral não entra no meu cálculo trabalhos que terão tempo de uso de um ano ou menos, desta forma, deixei fora da planilha. Estou estudando uma maneira melhor de resolver a influência do período sobre o preço. Disponibilizarei atualização no blog.

9 - Total geral. Pronto, você tem uma estimativa feita em cima das variáveis que você preencheu, quanto mais preciso for o preenchimento, melhor será o resultado.

10 - Fator variável. Existem elementos que alteram os valores de um trabalho e que não são muito simples de estabelecer regras. O tamanho da empresa que te contrata tem a ver com estes elementos. A exposição do seu trabalho será maior de acordo com o tamanho da empresa.
Uma exposição maior majora o valor do trabalho e não o contrário. Outra coisa importante, se a ilustração será usada em embalagens e coisas do tipo, então a ilustração passa a ser imediatamente responsável por parte das vendas do produto, sendo mais do que justo que o ilustrador seja remunerado por isso.

11 - Na tabela dos fatores variáveis, você terá o valor final da ilustração em reais e em dólar, basta colocar a cotação do dia no campo cotação.

Espero que a planilha ajude, mas lembro que ela não é definitiva e não resolve todas as circunstâncias.

Use com sabedoria todos os preços informados pela tabela, reflita se ele está dentro de uma razoabilidade antes de fazer o orçamento.

Se houver melhorias, volto a postar ela aqui no blog.

Link para baixar a planilha.

Curta a página do facebook: https://www.facebook.com/EstudioDaviSales

Boa semana a todos!