Desenho

Empinando Arraia - Processo de Trabalho by Davi Sales Studio

Tem muita gente que não sabe o verdadeiro significado do termo "empinar arraia".
Teve um tempo que era assim, eu estive lá. As crianças viviam soltas, nós ganhavamos as ruas e os carros nos respeitavam.
Nesse tempo brincar, quase sempre, significava que era uma tividade fora de casa, na verdade nossos pais queriam que a gente saisse. Jogar PES no quarto é fácil, mas bater um baba na sala, sempre dava problema!

Glossário

Arraia - O mesmo que papagaio, pipa, rabiola, etc. É como chamamos na Bahia, ah, tem que ser retangular, assim como está na ilustração!
Baba - jogar futebol de forma despretenciosa, o mesmo que "pelada", bater bola, etc.

Você pode ver essa imagem em melhor definição na minha página do facebook:
https://www.facebook.com/EstudioDaviSales

Não esqueça de curtir!

 

Que tintas você usa? by Davi Sales Studio

Tem dias que eu fico buscando na minha cabeça lembranças que me ajudaram a traçar minha caminhada no mundo da ilustração. Penso nisso para tentar achar elementos que sejam, de verdade, úteis para quem quer trilhar no mundo da ilustração ou das artes plásticas.

 

Segue aqui um conselho artístico de cunho filosófico para você pensar um pouco e ver se serve para sua jornada como serviu para a minha.

 

Não lembro muito bem se foi em 1991 ou 1993, mas o certo é que fui as duas bienais internacionais de quadrinhos realizadas, nestes dois anos, no Rio de Janeiro. Numa dessas edições, tivemos a presença de Bill Sienkiewicz (Biu Sinquéviti), como ele mesmo nos ensinou a pronunciar o nome dele, que me trouxe bastante alívio e que terminou com os milhares de especulações de como se pronunciava aquela emaranhado de consoantes, ele fez uma palestra, uma das mais esperadas em toda a bienal.

Todos preparados e ansiosos para o momento. Bastava olhar ao redor e lá havia um monte de jovens ansiosos por absorver o máximo de informações desse grande artista dos quadrinhos.

 

Confesso que duas coisas me marcaram neste encontro:

 

A primeira que Bill não é uma das pessoas mais simpáticas, meio estrela e diria, uma leve boçalidade na maneira de falar. Nem de longe ele se compara com a simplicidade de Davi Mazzuchelli e Joe Cubert, que tive a oportunidade de conversar pessoalmente, Will Eisner, ví de longe, mas era uma pessoa muito simpática e de gentileza óbvia.

 

A outra foi uma coisa que ele disse que me acompanha até hoje.

Naquele momento o mundo digital nos quadrinhos e nas artes era só um embrião, sendo assim, todos ainda viviam imersos nas técnicas "analógicas". Lá pelas tantas, as perguntas foram abertas a platéia e um jovem aspirante, como eu e muito outros, perguntou: Que tintas você usa?

Bill Sienkiewicz respondeu: - Vermelho, amarelo, azul...

 

Não sei bem se ele queria ser pernóstico ou se ele realmente queria nos ensinar algo importante, de qualquer forma isso foi muito importante para mim. Pensei realmente qual a importância na marca da tinta que um artista “top” usa para um iniciante. Não que eu não tivesse interesse em saber, queria e queria muito, mas me convenci que existem muitas outras coisas antes e que naturalmente essas "tintas" cairiam na minha mão quando eu estivesse preparado para elas.

 

Deixo esse texto para que você faça as correlações no mundo de hoje. Aprenda o que todos aprendem desde a renascença e não se preocupe, as tintas cairão em sua mão, quando você estiver preparado para elas.

 

Abraço a todos e bom final de semana.

 

Ah! Não se esqueçam de curtir a página do facebook, aqui e visitar o blog, aqui

 

Textura para iniciantes. by Davi Sales Studio

Oi pessoal,

Hoje é uma sexta feira chuvosa em Recife eu estou me preparando para viajar a trabalho, mas antes, vou deixar uma coisinha para vocês “matutarem” durante o fim de semana. Como o iniciante deve fazer texturas em seus trabalhos?

Bem, então vamos por um ponto inicial na conversa. Você é iniciante? Então leia. Você não é iniciante então leia, mas já saiba que este post é uma pegadinha!

Continuando. Se você quer aprender realmente a fazer um trabalho de qualidade, então esqueça as texturas, não, elas não são fundamentais no trabalho do ilustrador, conheço muitos que não usam praticamente nenhuma textura e são geniais.

Mas e para você que quer aprender a pintar realisticamente ou hiper realisticamente, bem, aí sim, as texturas são muito importantes, porém, tudo há seu tempo. Você mesmo se classificou como iniciante, eu avisei!

Se você quer ser um bom pintor realista, hiper realista ou quer que suas pinturas saltem aos olhos do observador, então você vai precisar aprender a simular texturas, mas antes você precisa aprender algo mais importante, bem, não é mais importante de fato, mas você tem que dominar antes da textura. A luz e sombra!

É fundamental que você domine a luz e sombra. Estes dois elementos vão determinar a identidade do seu trabalho, eles que vão dar o alicerce para você fazer a textura sobre ele.

Vejo muito trabalho na net de gente que aprendeu um monte de "coisinhas" e fazem um monte de texturinhas legais nas suas pinturas, mas elas não têm uma boa volumetria e por isso, para um olho mais atento, o trabalho é fraco.

Não é importante saber qual o "brush" esse ou aquele pintor usa, a menos que você tenha o trabalho com a estrutura no mesmo nível dele. Eu já consegui resultados semelhantes com “brushes” diferentes do photoshop. Dedique seu tempo a olhar as "massas", o volume da figura, onde bate mais luz e onde bate menos.

Sabe qual a maior diferença entre os dois estágios da pintura a abaixo?
O tempo! A grande diferença de um para o outro é somente o tempo que investi para chegar ao resultado final. Mas a estrutura estava lá, desde o início, as massas de luz e sombra estavam definidas e com isso, me dando suporte para a aplicação de cor e textura.

DICA: Veja tudo no geral e também as partes.
quando você estiver fazendo o sombreamento de uma pintura, mantenha o desenho no seu monitor de forma que você possa ver tudo, não amplie para ver tudo de perto, isso vai fazer você errar na determinação de onde terá mais luz que outro.
Lembre, quando houver uma fonte de luz vinda de cima, provavelmente a área mais clara da testa do seu personagem será mais clara que a área mais clara do pescoço dele. As áreas de luz precisam se valoradas de acordo com a exposição que elas têm a luz.
Fazendo o sombreamento com a visão ampla e equilibrando corretamente as áreas de luz e sombra permite que você tenha maior domínio quando for ampliar para fazer os detalhes.

Espero ter ajudado! Bom fim de semana a todos.

Não se esqueçam de curtir a página do facebook e visitar sempre o blog.

 

Regra de ouro na caricatura by Davi Sales Studio

Oi pessoal.

Posto, hoje, o que considero ser o mais importante para quem quer ser um caricaturista, chamaria de regra de ouro. Estude!
Parece óbvio, mas não é.
Algumas pessoas pensam que podem fazer caricaturas apenas por que tem habilidades em outras áreas do desenho ou da pintura. Não, não é bem assim.
É verdade que alguns conseguem migrar para a caricatura sem muito problema, porém, ele, com certeza, cultivou, mesmo sem saber elementos que o credencia para ser um caricaturista.
O estudo da caricatura segue em duas vertentes: O estudo continuo em busca do aprimoramento geral e o estudo pontual em cima do mesmo trabalho a ser realizado.
Rabisque muito antes de iniciar a caricatura. Desenhe, apague, pense, reflita e desenhe.
Não aceite, sem espernear, que a sua caricatura está indo bem já no primeiro esboço, reflita sobre ele, exercite sua capacidade de enxergar o desenho acabado, mesmo no início, só aí você poderá admitir que acertou no primeiro esforço. Fora isso, apague seu rabisco e faça novamente.
Tenho muitos trabalhos inacabados, alguns tem solução ou não tem, mas todos eles são importantes. Os erros ajudam a melhorar até mais que os acertos, principalmente se você não voltar a cometê-los.

Seguem duas dicas práticas que vão lhe ajudar no desenho de observação e na caricatura:

1 - FAÇA OLHO DE JAPONÊS - Aperte os olhos para ver a imagem referencial. Isso vai te fazer enxergar melhor as diferenças entre luz e sombra ficando mais fácil você decidir as tonalidades de cada área do desenho.

2 - OLHE NO ESPELHO - Se você quer ver se o seu desenho tem muitos erros de proporção, rebata ele. Antigamente nós fazíamos isso com espelho, colocávamos ao lados e víamos o desenho pelo espelho.
Com o trabalho continuo em uma única visão, nosso cérebro tende a minimizar os erros que cometemos e a aceitá-los. Ao rebatê-lo, nos enganamos o cérebro que passa a avaliar o desenho de forma muito mais isenta.

Segue, abaixo, alguns estudos que provavelmente nunca serão concluídos!

Espero que essa dica ajude na caminhada de vocês!
Curtam a minha página no Facebook! Clique aqui!

Lojinha de caricaturas by Davi Sales Studio

Você gostaria de ter ou de presentear alguém com uma caricatura ultra mega zás power??

Agora você pode! Estamos aceitando ecomendas para caricaturas digitais com pintura ultra detalhada, um presente inesquecível!

A arte será enviada em arquivo digital (JPG) em alta definição, permitindo impressão em até o formato A2.

MAS NÃO LIGUE AGORA! Se você der um cliquezinho no botão curtir, lá na página da lojinha, você ganha 15% de desconto nas suas encomendas, fácil, sem burocracia e na boca do caixa!

O que você está esperando? Entre agora na nossa loja e encomende a sua. CLIQUE AQUI

Veja exemplos da qualidade do trabalho: